publicidade

Brasil

SEM ACORDO! Pfizer não aceita exigências do governo brasileiro para venda de vacina

por Antonio Neto no dia 22 de fevereiro de 2021 às 17:10
Foto: Reprodução

A farmacêutica Pfizer declarou nesta segunda (22), que não aceita as exigências feitas pelo governo brasileiro para a comercialização da vacina produzida pela empresa em solo brasileiro. 

Segundo a Folha de São Paulo, o ponto discutido é o fato da Pfizer querer que o governo brasileiro assuma qualquer problema jurídico decorrente de efeitos colaterais do imunizante, uma vez que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), aprove seu uso.

O presidente Jair Bolsonaro diz que não quer ser cobrado por conta de efeitos colaterais da vacina e quer que a própria Pfizer assuma eventuais responsabilidades. Além do Brasil, Argentina e Venezuela também não aceitaram as imposições da farmacêutica dentro da América Latina.

 

LEIA TAMBÉM:

Hospitais particulares de Salvador se aproximam de colapso por conta de alta ocupação de UTIs

Notícias: Brasil

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar