publicidade

Bahia

Microempreendedores de Lauro de Freitas passam a contar com primeiro SAC Empresarial Municipal da Bahia

por Redação Radar da Bahia no dia 15 de September de 2020 às 16:50
Foto: Divulgação

Microempreendedores individuais (MEI) de Lauro de Freitas passam a contar com o primeiro SAC Empresarial implantado no Estado da Bahia. Inaugurada pelo vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico da Bahia, João Leão, nesta terça-feira (15), a unidade também conta com atendimento especializado para microempresas e empresas de pequeno porte. Os serviços do SAC Empresarial Municipal serão disponibilizados na Central Geral de Apoio à Micro, Pequena e Média Empresa (CGAE), localizada na sede do Centro Administrativo de Lauro de Freitas (CALF).

O SAC Empresarial foi implantado na cidade após assinatura de um acordo de cooperação técnica entre o governo do Estado com a Administração de Lauro de Freitas. “A finalidade desta unidade é de cuidar do empresariado pequeno, médio e grande, e principalmente do micro. Isso aqui representa uma nova vida para a cidade. As equipes da Prefeitura e da SDE farão com que esse SAC disponibilize um serviço de ponta. É o primeiro da Bahia e pretendemos instalar mais desse nos 400 municípios baianos”, destacou João Leão.

A primeira unidade de SAC Empresarial da Bahia estará aberta ao público com serviços de transformação do informal em Microempreendedor Individual (MEI) para obtenção de benefícios do INSS com taxas subsidiadas; operacionalização de concessão de microcrédito através de instituição bancária; centralização de atendimento às necessidades dos empreendedores; consultas e emissões de certificações de regularidade e certidões necessárias à prática do empreendedor; e orientações para o aperfeiçoamento da atividade empresarial junto ao SEBRAE.

A cidade de Lauro de Freitas tem mais de 15 mil CNPJ ativos. Para Cristiano Magarão, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio, Serviços e Inovação Tecnológica (SEDISC), a unidade vai potencializar a relação entre gestão pública e empresariado. “Somos um município de grandes vetores comerciais e não é à toa que aqui é a sexta economia da Bahia e com muito a crescer. Além de compor a CGAE, o SAC chega em um momento oportuno em que estamos lutando para recuperar a economia fragilizada pela pandemia”, disse.

 

 

LEIA TAMBÉM:

Rede estadual de ensino da Bahia tem melhor desempenho no IDEB em 14 anos

Notícias: Bahia

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar