publicidade

Mundo

Emboscada mata 70 soldados em ataque a trem na Nigéria

por Neison Cerqueira no dia 24 de March de 2020 às 12:30
Foto: Reprodução

Setenta elementos das Forças Armadas da Nigéria foram mortos nesta segunda-feira (23), num ataque a um trem no nordeste do país, uma região que tem sido massacrada com ações violentas do grupo do Estado islâmico na África Ocidental (ISWAP). 

A ifnormação foi confirmada pelas autoridades. "Registramos perdas muito pesadas", disse uma fonte militar à AFP sob anonimato. "Pelo menos 70 soldados morreram numa emboscada" na segunda-feira na região de Konduga (estado de Borno), completou a mesma fonte.

Apesar de ser originário da Nigéria, o Boko Haram tem uma forte presença nos países vizinhos Chade, Camarões e Níger, tendo deixado um rastro de milhares de mortos e milhões de deslocados.

Segundo a AFP, o grupo foi criado em 2002 na localidade de Maiduguri, no noroeste da Nigéria, pelo líder espiritual Mohameh Yusuf, para criticar o abandono do norte do país pelas autoridades nigerianas, tendo começado por lançar ataques contra a polícia local, por representar o Estado, mas desde a sua morte o grupo radicalizou-se e juntou-se, já em 2015, ao grupo terrorista Estado Islâmico.

 

LEIA TAMBÉM:

Artistas se unem e cantam ‘Trem Bala’ para arrecadar doações contra a Covid-19

Notícias: Mundo

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar