publicidade

Brasil

Anvisa vai liberar empresas de medicamentos e cosméticos a fabricar álcool

por Daniel Serrano no dia 20 de March de 2020 às 11:00
Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) vai publicar uma norma em que irá liberar empresas de medicamentos e cosméticos a fabricarem e comercializarem preparações antissépticas ou sanitizantes oficinais sem prévia autorização. A norma faz parte de medidas para facilitar o combate ao coronavírus no Brasil e tem validade de 180 dias.

A permissão às empresas fabricantes de medicamento se estende às seguintes preparações: álcool etílico 70% (p/p); álcool etílico glicerinado 80%; álcool gel; álcool isopropilico glicerinado 75%, digliconato de clorexidina 0,5%.

Já as empresas fabricantes de cosméticos e saneantes poderão fabricar e comercializar exclusivamente o álcool 70% nas suas diversas formas de apresentação.

As empresas terão que estar regularizadas com Autorização de Funcionamento (AFE), alvará ou licença sanitária emitida pelo órgão de saúde competente dos Estados, Distrito Federal e municípios e as demais outorgas públicas para funcionamento, inclusive, para fabricação e armazenado de substância inflamável.

 

LEIA TAMBÉM: Sobe para três o número de senadores brasileiros com coronavírus

Notícias: Brasil

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar