publicidade

Política

Defesa do ex-presidente Lula pede anulação de condenação no TRF-4 por sítio de Atibaia

por Isabela Rocha no dia 02 de December de 2019 às 19:10
Foto: Ricardo Stuckert

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entrou com um pedido de anulação da condenação imposta pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) na semana passada, no âmbito do processo do sítio de Atibaia. O pedido foi feito no Supremo Tribunal Federal (STF). 

O pedido de anulação da condenação - com pena de 17 anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro - foi feito por meio de um habeas corpus. A defesa do líder petista argumenta que o TRF-4 não analisou um alegado “julgamento de exceção” no caso, a suspeição dos desembargadores e procuradores da força-tarefa e a incompetência da 13ª Vara Federal de Curitiba no processo. 

Os advogados também reclamam sobre o Tribunal não ter seguido ordem cronológica dos recursos ao analisar, antes de outros processos, a apelação de Lula. De acordo com o site O Antagonista, tudo feito atualmente já foi rejeitado anteriormente pelo ministro Leopoldo Raposo, do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), além do próprio Fachin. Cristiano Zanin, um dos advogados do ex-presidente, quer o pedido de anulação da condenação seja analisado pela Segunda Turma do STF.

 

LEIA TAMBÉM:

SineBahia: confira as vagas de emprego para esta terça-feira (3), em Salvador

Notícias: Política

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar