publicidade

Economia

Relator da Previdência na Comissão Especial disse que foi "até o limite"

por Redação Radar da Bahia no dia 15 de June de 2019 às 12:51
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O relator da reforma da Previdência na Comissão Especial da Câmara dos Deputados, Samuel Moreira (PSDB-SP), afirmou em entrevista ao Estadão/Broadcast que foi até o "limite" da reforma da Previdência.

"Se tem uma barreira entre o possível e o impossível, eu fui até ao limite. Eu fui no que era possível. Vai ficar desse jeito? Não, tem destaque, exclusão, discussão... A capitalização é um processo que nesse momento gerava muita discussão no campo do centro. A esquerda não queria de jeito nenhum. No campo do centro, havia uma divisão enorme porque as coisas não estavam claras. O governo está começando. Nada impede o governo enviar depois o pedido para criar o sistema, para que seja debatido na Casa com mais tempo e com debate mais exclusivo e não contaminado. É um tema que já estava contaminando a tramitação da reforma", disse o relator.

Samuel Moreira tirou do texto da nova Previdência a capitalização, as mudanças no BPC e aposentadoria rural e ainda retirou os estados e municípios do texto. O relator foi acusado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, de "ceder" a "lobby" e de "abortar a nova Previdência".

 

"O relatório representa um conjunto de uma grande maioria. O que dá peso para o relatório é que eu conversei muito com os líderes e deputados que formam a maioria, que são os deputados de centro e de direita. Alguns pontos acabam atendendo ao conjunto todo da Câmara. A articulação do governo é muito pequena. É uma construção para manter a aprovação de uma reforma. O relatório mantém a estrutura central, a idade mínima", acrescentou Moreira.

Agora, o texto de reforma da Previdência segue para o plenário da Câmara. Após aprovado nesta etapa a PEC vai para o Senado, onde deverá passar por duas comissões e pelo plenário antes de ir para a sanção presidencial.

 

LEIA MAIS:

Polícia captura traficantes de drogas sintéticas em Stella Maris

Notícias: Economia

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar