publicidade

Economia

Decisão judicial bloqueia contas da Avianca Brasil

por Neison Cerqueira no dia 12 de June de 2019 às 10:14
Foto: Divulgação / Avianca

Depois do pedido feito judicialmente pela Vinci Airports, concessionária que administra do aeroporto internacional de Salvador, a Avianca Brasil teve as contas bloqueadas pela juíza Ana Lúcia Schmidt Rizzon, da 18ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.

Segundo a ação, o repasse das taxas de embarque que a Avianca recolhia dos passageiros não era encaminhada à administração do terminal, o que motivou uma ação na Justiça paulista em 2018.

A Avianca chegou a promover o repasse neste ano, mas, com o agravamento da crise financeira, a situação se repetiu. De acordo com a concessionária, a dívida já soma R$ 2,2 milhões, valor que inclui tarifas e multa por descumprimento de decisão judicial.

A decisão da juíza autoriza a empresa a bloquear todas as contas da Avianca Brasil até atingir esse valor. Apesar da sentença, de acordo o site Valor Econômico, dados do Banco Central apontam que o saldo total das contas bancárias da aérea no dia 7 de junho era de apenas R$ 258,7 mil. Agora, para atingir o valor da total dívida da empresa aérea, a Vinci Airports vai tentar bloquear outros ativos da Avianca.

 

LEIA TAMBÉM:

Governo Bolsonaro pretende reduzir florestas e reservas para construir estradas federais

Notícias: Economia

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar