publicidade

Mundo

Mais de 20 pessoas são presas na Espanha por exploração sexual de mulheres

por Paulo Araújo no dia 09 de June de 2019 às 18:57
Foto: Reprodução/Brasil 247

A polícia espanhola anunciou a prisão de 21 pessoas que faziam parte de uma rede de exploração de mulheres, liderada por uma família portuguesa. A informação foi divulgada neste domingo (9) e noticiada pela Agência France Presse. A exploração acontecia em uma cidade turística do país europeu.

Segundo a polícia, os criminosos tinham uma casa que funcionava como prostíbulo 24 horas por dia. No local, as mulheres eram submetidas a "um regime de multas, de jornadas exaustivas e de ameaças", além de serem mantidas em cárcere privado.

Oito mulheres foram libertadas durante a operação. "Algumas foram de maneira voluntária ao prostíbulo, enquanto outras eram enganadas com uma oferta de emprego em uma casa de massagens", disse a polícia. O grupo criminoso também promovia o consumo de drogas no local onde as mulheres eram exploradas.

 

LEIA MAIS:

Najila Trindade detalha encontros com Neymar e revela que jogador estava preocupado com sua própria imagem

Notícias: Mundo

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar