publicidade

Brasil

Empresa baiana é responsável por contratar helicóptero que caiu com Boechat

por Neison Cerqueira no dia 23 de May de 2019 às 16:50
Foto: Reprodução

Veruska Seibel Boechat, jornalista e viúva de Ricardo Boechat, que morreu em acidente de helicóptero, ingressou na Justiça contra a empresa Libbs, responsável por contratar o ex-apresentador do Jornal da Band para uma palestra no dia 11 de fevereiro. Na volta do evento, o helicóptero caiu e fez duas vítimas. Além de Boechat, morreu também o piloto Ricardo Quatrucci.

Veruska exige que a Libbs apresente o contrato de transporte e locação do helicóptero que, tudo indica, não seria apto ao transporte de passageiros. A petição foi apresentada no último dia 4 de abril, na 26ª Vara Cível.

 Nesse processo, a viúva do jornalista da Band não pede indenização alguma à empresa, exceto o valor simbólico de R$ 1 mil, segundo o Uol. Ao UOL, a empresa Libbs lamentou o ocorrido e disse que contratou a Zum Brazil, empresa baiana especializada em eventos corporativos, para organizar a palestra e o transporte dos convidados. A Zum Brazil tem como sócios Flávia Maria Scuracchio Zamaroni, Paula Lacorte Zamaroni e Fernanda Lacorte Zamaroni.

 

LEIA TAMBÉM:

Padre Fábio de Melo passa mal e é levado para o hospital

 

Notícias: Brasil

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar