publicidade

Brasil

PF encaminha relatório sobre conduta policial sobre a morte de Marielle; PM é acusado de obstruir investigação

por Redação Radar da Bahia no dia 23 de May de 2019 às 12:00
Foto: Renan Olaz/Câmara Municipal do Rio de Janeiro/AFP/Arquivo

Foi encaminhada a PGR (Procuradoria Geral da República) o relatório sobre a investigação da conduta de policiais nas mortes da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.

A informação foi divulgada pela colunista Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo.

A procuradora geral, Raquel Dodge pediu que a Polícia Federal apurasse a conduta das polícias Civil e Federal no caso após irregularidades. Um dos investigados é um delegado da própria PF. O relatório tem 600 páginas.

 

Policial é acusado de obstruir investigação

A Polícia Federal também cocluiu que o policial militar Leandro Almada e a sua advogada fazem parte de uma organização criminosa. Almada chegou a apontar o miliciano conhecido como Orlando da Curicica como uma das pessoas interessadas na morte da vereadora. Contudo, a investigação concluiu que o policial militar queria tirar o miliciano do caminho, já que tinha medo de morrer pelas mãos de Orlando da Curicica e queria assumir a área controlada pelo miliciano.

 

LEIA MAIS:

BOA NOTÍCIA: Bahia tem redução de 89,3% em casos de H1N1

Notícias: Brasil

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar