publicidade

Polemizando

Para um bom futuro, Vitória precisa olhar seu passado

por Paulo Araújo no dia 03 de December de 2018 às 09:26
Foto: Reprodução

O Vitória perdeu a identidade. Como clube e instituição. É um rascunho mal feito daquilo que jamais foi. As brigas políticas e os sucessivos erros de planejamento corroem o Leão.

Deixou-se de apostar na base para começar a comprar. E convenhamos, dinheiro para competir pelos melhores jogadores, o Vitória não tem.

Aventuras totalmente descabidas, como Cleiton Xavier em troca do promissor Yan e mais uma merreca de um milhão de reais, menos que o prêmio embolsado pelo vencedor do Big Brother Brasil.

É uma questão matemática. Três perebas de R$ 50 mil (o citado acima não custava só isso), equivalem a um jogador promissor de R$ 150 mil. As outras duas vagas deverão ser preenchidas por meninos da base. Sim, porque base o Vitória ainda tem. Foi finalista do Brasileirão Sub-20 e viu talentos como Eron e Lucas Ribeiro aparecerem mesmo em meio ao caos que foi 2018.

O Vitória deixou de ser o clube moderno que foi em meados dos anos 90. Tão à frente dos outros, que, até hoje, é o único clube com estádio próprio no estado, tem um CT com boas instalações e tinha, ressalto, TINHA uma organização que lhe permitiu fazer com que o rival, do qual era saco de pancadas nas décadas de 70 e 80, comesse poeira por anos a fio. E com direito a 5x1 e 7x3.

Hoje a balança inverteu e pende para o Bahia. Desde que se encontrou com a democracia, o time do Fazendão está em uma evolução quase constante.

E o Vitória amarga o quarto rebaixamento na década. O ponto fora da curva foi 2013, justamente o ano das impiedosas goleadas no rival.

É necessário olhar para o passado e repetir a fórmula para que o Leão se erga novamente. Os bons times do Vitória, quase regra, tinham talentos da base em suas escalações. É necessário organizar o clube, parar com a paranoia política de querer derrubar presidentes ao primeiro fracasso. É preciso que todo o coletivo Rubro-Negro reme para o mesmo lado, caso contrário a barca vai afundar de vez. É necessário voltar a ser Vitória. Como diz o hino: "Vitória, Vitória, mostra o teu valor"!

 

LEIA MAIS:

 

Investigadores apontam que Pezão usava contas de terceiros para movimentar propina

Notícias: Polemizando

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar