publicidade

Política

STF decide por constitucionalidade em atividades-fim em caso de call center

por Neison Cerqueira no dia 11 de October de 2018 às 18:26
Foto: Carlos Moura / SCO / STF

Em sessão na tarde desta quinta-feira (11), o Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu pela constitucionalidade da contratação de empregados terceirizados para as atividades-fim das empresas em caso de call-center, ou seja, as ações que tramitam em várias instâncias da Justiça, deverão ter resultado definitivo favorável às empresas. 

O STF analisou o caso específico de contratação de terceirizados para a área de call center pelas empresas de telefonia. Em agosto, o tribunal já havia decidido que é constitucional empregar terceirizados nas atividades-fim das empresas.

Apesar de a contratação ser permitida por uma lei sancionada pelo presidente Michel Temer, as ações na Justiça questionavam entendimento do Tribunal Superior do Trabalho (TST), segundo o qual era proibido terceirizar a atividade-fim. 

 

LEIA TAMBÉM: 

Paciente tem surto e mata duas pessoas a machadadas dentro de clínica

Notícias: Política

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar