publicidade

Radar Cidadão

BUSCA POR DIREITOS! Funcionários da Maternidade de Referência denúnciam falta de salário há quase um mês

por Lucas Salles no dia 23 de August de 2018 às 09:04
Foto: Reprodução

Cerca de 900 funcionários que trabalham  na Maternidade de Referência Professor José Maria de Magalhães Netto, localizada no bairro do Pau Miúdo, em Salvador, estão com salários atrasados há quase um mês, referente ao mês de julho. 

Conforme uma denúncia anônima, enviada ao Radar da Bahia, na manhã desta quinta-feira (23), os orgãos responsáveis pelos pagamentos se quer dão um prazo de quando esses funcionários irão receber seus valores.  

A denúncia alega que a Secretaria de Estado da Saúde da Bahia (Sesab), está a par da questão, mas que a mesma não quer envolvimento no caso. O atraso dos pagamentos aconteceu desde que a administração da maternidade foi trocada, no último dia 15 deste mês. Eles ainda informam que diversos funcionários foram demitidos da empresa, sem nenhum aviso prévio.

"Com a troca da gestão da maternidade, muitos dos funcionarios foram demitidos e os que ficaram, que foram aproveitados por essa nova gestão , estão sem salários desde julho. Já os que foram demitidos, não sabem quando vão receber suas recisórias. Nós (trabalhadores), já entramos em contato com a Sesab, porém, o orgão fica naquele 'é hoje, é amanhã', depois diz que não quer se envolver com a questão... o caso está complicado", relatou a denúncia. 

O Radar da Bahia vai entrar em contato com a Sesab, para buscar um posicionamento e ou uma solução de como o orgão vai tratar este caso. 

HERANÇA MALDITA? João Henrique tem a maior rejeição entre candidatos ao governo do estado, diz Ibope

 

 

 

 

 

Notícias: Radar Cidadão

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar