publicidade

Economia

Número de linhas fixas tem queda de 2,76% no último ano, diz Anatel

por Débora Oliveira no dia 10 de August de 2018 às 17:24
Foto: Reprodução

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), informou nesta sexta-feira (10), que em junho, o número de linhas fixas no Brasil teve redução de 2,76% em relação ao mesmo período do ano passado.

Os levantamentos de dados mostram que o país fechou junho com 40,22 milhões linhas, um total de 1,14 milhão de linhas a menos que as registradas no mesmo mês do ano passado.

Segundo a agência reguladora, em junho deste ano, as empresas autorizadas contavam com 17,1 milhões de linhas fixas, enquanto as concessionárias possuíam 23 milhões de linhas. Em 12 meses, as autorizadas apresentaram um aumento de 0,4%, enquanto as concessionárias apresentaram uma redução de 4,97%.

Na comparação com maio, junho apresentou queda de 0,24% no número de linhas fixas, com menos 96.203 linhas.

Entre as empresas autorizadas, a Claro liderou o mercado com 62,41% de participação, seguida da Vivo, com 27,93% do mercado. A Tim é a terceira, com 4,51% de participação.

Já entre as concessionárias, a Oi ficou com 55,72%, a Telefônica, com 40,30% e a Algar, com 3,26% de participação, segundo a Anatel.

LEIA MAIS

Din din din: Ludmilla engata romance com jogador Gabriel Jesus

Notícias: Economia

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar