publicidade

Eleições 2018

Haddad se reúne com Lula para discutir material de campanha e registro no TSE

por Débora Oliveira no dia 10 de August de 2018 às 15:46
Foto: Reprodução

Ausente do primeiro debate na TV, pela rede Bandeirantes, nesta quinta-feira (9), o partido do PT quer definir qual será a tática usada para que Fernando Haddad seja apresentado como candidato da sigla à Presidência da República.

Um grupo do partido defende adiar a exposição do ex-prefeito para não afastar a ideia da candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas eleições.

Segundo o site G1 apurou, o grupo de Haddad defende que o ex-prefeito seja incluído já no material de campanha eleitoral do PT, junto com Manuela D' Ávila, do PcdoB, na vice. 

No início desta semana, Haddad afirmou que fará campanha em nome de Lula e que vai seguir o cronograma de viagens da candidatura petista pelo país ao lado de Manuela.

Haddad ouviu nesta quinta de Vagner Freitas, presidente da CUT, que Lula orientou o ex-prefeito colocar "o bloco na rua", em debates e viagens, porem o ex-prefeito quer saber o que fazer em relação ao material de campanha, inclusive porque o grupo de Haddad avalia que há uma questão jurídica envolvendo a divulgação em material de campanha de candidatos em cargos diferentes dos quais eles vão concorrer, de fato, na eleição.

Nesta sexta-feira (10), Haddad vai se reunir com Lula par discutir detalhes do registro do ex-presidente ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), previsto para o dia 15 deste mês.

O Partido trabalha também com o cenário de que seja "muito provável" que o tribunal conclua o trâmite do julgamento da inelegibilidade de Lula até dia 30 de agosto – o que antecipará a troca de Lula por Haddad oficialmente como candidato à presidência da República pelo PT.

LEIA MAIS

Trump autoriza dobrar tarifa sobre metais da Turquia e agrava crise

Notícias: Eleições 2018

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar