publicidade

Polícia

Polícia baiana investiga se BDM tem ligação com organizações criminosas do Rio

por Neison Cerqueira no dia 09 de August de 2018 às 19:02
Foto: Divulgação / SSP-BA

A Polícia Civil da Bahia investiga se a facção Bonde do Maluco (BDM) tem ligação direta com organizações criminosas do Rio de Janeiro. Na manhã desta quinta-feira (9), na operação deflagrada e batizada de Polêmica, 14 pessoas foram localizadas – 13 acabaram presas e um adolescente apreendido. Além disso, durante confronto com a polícia, um suspeito de integrar a quadrilha morreu.

De acordo com a Polícia Civil, um mandado de busca e apreensão foi realizado no Rio de Janeiro (RJ), na casa de líder do grupo, Alex de Jesus da Hora, o Argentino. Ele foi morto em confronto a polícia baiana em julho na cidade de Serra Dourada, Oeste da Bahia. 

A delegada Andreia Ribeiro, coordenadora da Delegacia de Narcóticos do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), as idas e vindas levou a suspeita de que o traficante teria a cobertura de facções fluminenses. “Estamos aprofundando se há relação com outras facções no Rio”, declarou. 

 

LEIA TAMBÉM: 

Estado tem crescimento de 14,4% nos casos de tentativa e estupro, diz estudo

Notícias: Polícia

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar