publicidade

Política

ACUSAÇÃO! PT pretende ingressar com ofensiva jurídica contra ministro Raul Jungmann

por Neison Cerqueira no dia 11 de July de 2018 às 16:25
Foto: Fernando Frazão / Agência Brasil

O Partido dos Trabalhadores (PT) acredita que a manutenção de Lula na prisão, mesmo com o habeas corpus concedido pelo desembargador plantonista Rogério Favreto, determinando sua soltura no último domingo (8), teve a interferência do ministro da Segurança Pública, Raul Jungmman. 

Por esse motivo, a sigla pretende iniciar uma ofensiva jurídica contra titular da pasta. De acordo com o Estadão, o partido vai usar o episódio como símbolo do que classifica de “perseguição do Judiciário e do juiz federal Sérgio Moro” contra o petista. Mesmo com a possibilidade de ingressar com a medida na Justiça, a área jurídica da sigla estuda qual o melhor caminho para acionar Jungmann.

 

LEIA TAMBÉM: 

Plenário do TJ-BA mantém aumento do IPTU em Salvador

Notícias: Política

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar