publicidade

Saúde & Bem Estar

Ovário artificial pode ser opção para ajudar mulheres a engravidar após quimioterapia

por Débora Oliveira no dia 03 de July de 2018 às 16:32
Foto: Reprodução

Muitas mulheres que já passaram por tratamentos de quimioterapia e radioterapia, sofrem com problemas para engravidar.

Após estudarem essas complicações, cientistas do Rigshospitalet, em Copenhague, na Dinamarca, desenvolveram um “ovário artificial”, construído com tecidos e ovos humanos, que pode ser implantado em sobreviventes do câncer. 

Segundo o jornal O Globo, o experimento ainda está na fase inicial e precisa de mais testes clínicos. A técnica também pode beneficiar mulheres com esclerose múltipla e beta talassemia, doenças que exigem tratamentos que afetam a fertilidade. 

Atualmente, mulheres diagnosticadas com câncer e que desejam ser mães podem congelar tecidos do ovário antes dos tratamentos. 

Os estudiosos ainda acreditam que os "ovários artificiais" podem ser uma opção mais segura. Até o momento a técnica só foi aplicada em camundongos, a expectativa é que os primeiros testes com humanos aconteçam dentro de três a cinco anos.

LEIA MAIS

Lula critica STF e afirma que não há razões para acreditar que terá Justiça

Notícias: Saúde & Bem Estar

publicidade

publicidade

© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar