publicidade

Polícia

Quatro garis suspeitos de envolvimento na morte de empresário são presos; veja vídeo da agressão

por Jones Araújo no dia 12 de junho de 2018 às 11:29
Foto: reprodução/TV Bahia

O empresário Luciano Vieira foi espancado na madrugada de sábado (9), no bairro da Pituba, em Salvador. Os quatro garis suspeitos de cometerem o crime, se apresentaram na madrugada desta terça-feira (12) e estão presos na 16ª Delegacia. Identificados como, Jeferson Amorim Góes, 50 anos, Fábio do Amor Divino Borges, 35 anos, e os irmãos Ediney Silva Santos, 26 anos, e Dioney Silva Santos, 28 anos, já tiveram a prisão temporário decretada, segundo a delegada Maria Selma Lima.

Após serem ouvidos pela delegada, eles fizeram exames no Departamento de Polícia Técnica (DPT), e depois foram liberados na tarde desta segunda-feira (11). 

Como aconteceu:

O carro da coleta passou rente ao empresário, enquanto o grupo recolhia o lixo na Rua Engenheiro Adhemar Fontes. Segundo o depoimento do motorista, Luciano bateu com a mão na porta do veículo e soltou um palavrão.

A delegada conta que a briga durou cinco minutos. Mesmo sendo socorrido para o Hospital Geral do Estado (HGE), o empresário teve morte cerebral confirmada na madrugada de domingo (10).

Os três coletores começaram a agredir o rapaz até cair no chão, os próprios agressores pediram para as pessoas que passavam e um porteiro que chamassem o socorro porque eles não poderiam fazer isso, ainda conforme relatos do motorista, eles precisavam coletar o lixo.

Como a polícia chegou até os suspeitos:

Com ajuda da da empresa que coleta o lixo, Maria Selma conseguiu chegar até os suspeitos. Elas pode identificar o caminhão, descobrir o trajeto, quem estava no veículo, além do local em que estavam e quanto tempo ficou parado.

Veja o vídeo do momento da agressão aqui.

Notícias: Polícia
© Copyright 2018 - Radar da Bahia - Grupo Radar